Os problemas de privacidade não são novidade nos computadores da HP, tendo sido encontrados vários problemas durante o ano de 2017.

Surgiram agora relatos de um novo keylogger, confirmado pela própria HP, que pode apresentar um risco para a privacidade e segurança dos utilizadores.

Durante o último ano, vários foram os problemas de segurança que envolveram os computadores da HP. Depois de um keylogger nos drivers de áudio no início do ano e de um spyware que se instalava sozinho, surge agora um novo problema relacionado com um novo Keylogger.

Ao procurar uma maneira de controlar a iluminação do teclado, o investigador Michael Myng descobriu no driver do teclado SynTP.sys um keylogger pré-instalado, desativado por defeito, que poderia ser ativado para registar o texto introduzido pelos utilizadores.

O investigador questionou posteriormente a HP para alertar para este problema, tendo a marca respondido de forma célere e confirmando a presença do keylogger em vários computadores. Posteriormente foi também lançada uma atualização aos drivers para remover este problema de privacidade.

A HP lançou também uma lista com 460 modelos, comercializados desde 2012, onde o keylogger está presente. Esta lista inclui modelos das séries EliteBook, ProBook, Pavilion e Envy, que devem ser atualizados assim que possível.

Embora seja mais uma falha de privacidade nos portáteis HP, a verdade é que a marca reconheceu rapidamente o erro e lançou uma atualização para eliminar o problema de segurança. Se tiver um computador desta marca aconselhamos a que instale esta atualização.

Artigo de pplware