Os problemas que afetaram os processadores da Intel, e de muitas outras marcas, deixaram uma certeza incómoda em todos os utilizadores. A segurança nunca pode ser um dado adquirido e as falhas surgem em locais que não se esperava estarem vulneráveis.

Ainda a recuperar do problema, e com algumas das falhas a serem resolvidas, surgem agora novas informações. A análise realizada para eliminar problemas acabou por revelar novas falhas associadas ao Spectre.

Ao todo são 8 as novas falhas que uma equipa de investigadores descobriu nos processadores Intel. Na sua base estão os mesmos problemas de desenho que eram a causa das falhas Spectre descobertas antes.

Cada uma destas falhas está registada com um código específico, mostrando que são distintas e que podem ser usadas para realizar ataques de forma isolada. Obrigará também que a correção seja feita de forma separada.

A Intel está já ao corrente da situação e estará já a trabalhar no sentido de resolver os novos problemas que afetam os seus processadores. As correções devem ser lançadas em 2 momentos: o primeiro em maio e o segundo em agosto.

Do lado dos criadores de sistemas operativos espera-se também para breve as necessárias correções. Tanto a Apple como a Microsoft devem estar já a preparar as atualizações que corrigem os problemas nos seus sistemas.

Não se sabe ao certo se este será um problema localizado apenas nos processadores da Intel ou se, tal como antes, estará espalhado a outros fabricantes. A AMD ainda não se manifestou e provavelmente só o fará depois de ter certezas sobre os seus processadores.

Está aberta mais uma frente no tão extenso processo de falhas e problemas que afetaram os processadores Intel. Não foi um processo conduzido da forma correta, mas no final a empresa terá aprendido a lidar com estas situações.

 

Fonte: pplware